Para o topo
Farofa Magazine
Farofa Magazine

Comer melhor em 2020

Por: Marcia Daskal

09/01/2020
Comer melhor em 2020

Perder peso ou começar uma dieta estão entre as promessas de ano novo mais comuns.

Se todo janeiro você se vê fazendo as mesmas promessas, vamos ser honestos: não vai ser uma dieta diferente que vai resolver. Está na hora de trocar de estratégia!

Os estudos e a prática têm comprovado que não importa muito a dieta, desde que ela tenha alimentos saudáveis. Isto é, ela deve ser baseada em nutrição, e não em privação.

Bom-senso é essencial em qualquer dieta. É a velha história: suco sempre vai ser mais nutritivo do que um refrigerante zero. Mesmo assim, muita gente continua insistindo em cair de novo no ciclo “não estou comendo” para depois entrar com tudo no “modo avestruz” e isso se repete com algumas variações até que quando a gente vê já é ano novo outra vez.

Se você já entendeu que para emagrecer precisa mais do que força, foco e fé, vem comigo ao novo plano #comermelhor2020:

1) Faça uma análise sincera dos seus hábitos alimentares

2) Liste os problemas-chave da sua alimentação

3) Deixe a listinha de lado, enquanto você faz outra coisa

4) Volte a olhar a lista e destaque os três problemas mais importantes

5) Avalie qual deles você se sente mais preparado para mudar

6) Escolha um, apenas um dentre os problemas listados e comece hoje mesmo a comer melhor.

Pode ser uma coisa bem simples, como levar uma fruta para o trabalho, caso você fique muitas horas sem comer. Também vale beber menos café, diminuir a bebida alcóolica ou começar o almoço pela salada.

Você escolhe o que vai mudar. E lembre – tudo ou nada são fadados ao fracasso, então às vezes o segredo é diminuir, e não cortar.

Quem sabe assim a gente chegue em 2021 pronto para outras promessas.



Marcia Daskal
Marcia Daskal
Mais artigos deste autor

Comente aqui:
Voltar para a página anterior
download edição atual
FAROFA #3

saiba antes, saiba mais:

artigos

Bia Amorim

Bia Amorim

O Bar virtual em tempos de corona

Carlos Braghin

Carlos Braghin

CARTA DE UM QUÍMICO APAIXONADO

Bia Amorim

Bia Amorim

Tomando cerveja sozinha né minha filha?

Camilla Cristini

Camilla Cristini

A comida além da mercadoria: um ode à natureza e à consciência

Marcelo Whately

Marcelo Whately

O que será do mercado da carne?

Marcia Daskal

Marcia Daskal

Dicas para comer melhor em tempos de quarentena