Para o topo
Farofa Magazine
Farofa Magazine
página inicial » Quentinhas »

Cervejaria Pratinha ganha medalhas no World Beer Awards com cervejas inéditas

08/08/2019

por: Bia Amorim
Cervejaria Pratinha ganha medalhas no World Beer Awards com cervejas inéditas
Imagem: Divulgação

Saiu a lista de premiação de um dos mais importantes e esperados prêmios do mundo cervejeiro. O concurso World Beer Awards divulgou, em Londres, a lista das cervejas premiadas em 2019 e o Brasil levou muitas medalhas. A lista completa você poder ver em PDF AQUI.

A Cervejaria Pratinha manteve a tradição e volta para casa com duas importantes medalhas de prata, com as cervejas Tonka e o Bravo cervejeiro (Russian Imperial Stout com cumaru e cardamomo) e Red Poney (Red Ale). Agora acumula 8 medalhas no World Beer Awards, desde 2017. Ambas as cervejas premiadas estão na lista de novos lançamentos da fábrica. A cerveja Tonka este ano já levou medalha de ouro no concurso do Mondial de la Biere que aconteceu em São Paulo.

SOBRE A PRATINHA

A Cervejaria Pratinha, fundada em 2013, trabalha com conceito artesanal, está em Ribeirão Preto, estado de São Paulo. Localizada em uma cidade com tradição histórica. Comercializa e desenvolve cervejas e bebidas que passam por um processo criativo baseado em inovação e sustentabilidade. Tem em seu portfólio mais de 20 rótulos de bebidas desenvolvidas em nosso laboratório de ideias. . Entre as suas ações em favor do meio ambiente, estão o uso de energia solar, foto biorreator de algas e tratamento de 100 % dos resíduos orgânicos.

A carta de cervejas vem colecionando importantes premiações e medalhas de concursos cervejeiros nacionais e internacionais, com destaque para três medalhas de ouro no Mondial de la Bière (2019); Melhor Cerveja das Américas com a Culotte de La Duchesse pela Copa de Cervezas de América e Medalha de Prata como Melhor Cervejaria das Américas, pelo mesmo concurso em 2018. Outros destaques são premiações no World Beer Awards em design e cervejas (2018), segundo lugar em sustentabilidade no Brasil Brau (2017), medalhas no International Beer Challenge 2017 e 2018 em Londres, Festival Brasileiro de Cerveja em Blumenau, 2018 e 2019 e Aro Rojo no México, 2017 e 2018. Agora com mais 2 medalhas no World Beer Awards de 2019.  No total são 28 medalhas de 11 cervejas em 7 diferentes concursos no mundo, no período de dois anos.

A fábrica está montada para atender vários tipos de fabricação de bebidas, incluindo a moderna Magic Booze, bebida superconcentrada com diversos sabores e usabilidade, lançada pela Pratinha como uma grande inovação mundial. O Beerd3d é um braço de inovação, com o projeto de filamento biodegradável com resíduos de produção das cervejas e P.L.A (ácido poliláctico, um polímero feito de amido de milho).

www.cervejariapratinha.com.br

Sugestões da casa:

 

Quentinhas
Eisenbahn Mestre Cervejeiro apresenta novidades com a estreia da nova temporada no Multishow

Eisenbahn Mestre Cervejeiro apresenta novidades com a estreia da nova temporada no Multishow

Criado e produzido pela Endemol Shine Brasil, reality sobre cervejas artesanais começa quinta-feira (27) às 23h15 no Multishow, e terá exibição de melhores momentos pela Globo
24/06/2019
Quentinhas
As obras premiadas na categoria gastronomia no 59º Jabuti

As obras premiadas na categoria gastronomia no 59º Jabuti

Câmara Brasileira do Livro divulga vencedores do 59º Prêmio Jabuti. Três livros de gastronomia foram premiados.
31/10/2017
Quentinhas
Casa Cor terá destaque para ambientes gastronômicos

Casa Cor terá destaque para ambientes gastronômicos

Edição Ribeirão Preto vai privilegiar cozinhas, varandas e espaços propícios para quem gosta de comer e cozinhar. Café, bar e restaurante estarão abertos com ingresso especial.
19/07/2019
Comente aqui:
Voltar para a página anterior
download edição atual
FAROFA #02

saiba antes, saiba mais:

artigos

Luiz Horta

Luiz Horta

O testamento de um enochato

Bia Amorim

Bia Amorim

Quando floriu o cafezal

Bia Amorim

Bia Amorim

Diversity in the beer market

Bia Amorim

Bia Amorim

Pense por um minuto apenas. E se o mundo não tivesse IPA e Burger?