Digg Franco e Matuzza Sankofa no Etaly. Foto: Divulgação

Desde a sua criação, ainda em Turim na Itália, a marca Eataly traz como parte de seu manifesto a ideia de que seu público-alvo engloba a todos e que todos são bem-vindos e acolhidos de maneira igualitária dentro dos espaços da empresa. Trazendo esse ideal, o Eataly São Paulo, maior complexo de gastronomia italiana do país, vem expandindo suas iniciativas de apoio à diversidade desde sua inauguração em 2015. Neste ano, o centro trabalhará em parceria com a ONG Casa Chama, cuja atuação sociopolítica e cultural visa garantir emancipação, valorização e qualidade de vida para a população trans, promovendo eventos para arrecadação de fundos, realizando trabalho interno, concebido pela ONG, para a sensibilização de colaboradores, além de workshops de gastronomia e empreendedorismo para pessoas trans e um processo de inserção de pessoas trans no mercado de trabalho e no organograma do próprio Eataly.
“A diversidade é uma questão fundamental para o Eataly. Encontrar a Casa Chama e a energia transformadora de seus líderes, Digg e Matuzza, é um aprendizado diário de como podemos nos transformar e caminhar com união, por uma sociedade cada vez mais diversa e igualitária. A Casa Chama proporciona ao Eataly um exercício interno, como organização, para fortalecer a diversidade dentro do nosso organograma. Essa parceria nos dá a alegria de oferecer workshops de cozinha e empreendedorismo para a ONG — visando inserção no mercado de trabalho, inclusive no próprio Eataly”, comentou Luigi Testa, CEO do Eataly Brasil.
A parceria entre Eataly e Casa Chama será lançada em uma série de três jantares beneficentes, com curadoria da chef Bel Coelho. Ao lado do chef executivo do Eataly São Paulo, José Barattino, Bel receberá chefs aliados à causa, em cada um desses momentos. No dia 11 de maio, um menu em cinco tempos trará criações de Bel Coelho, Rodrigo Oliveira, da chef trans maranhense Pietra Freitas. Os ingressos para o evento já estão disponíveis para compra através da plataforma Sympla, pelo valor de R$485 por pessoa. Toda a renda arrecadada através da venda de ingressos será doada para a Casa Chama, com o objetivo de potencializar o trabalho da instituição que, por falta de recursos, enfrentou sérios momentos de crise nos últimos dois anos, correndo o risco de fechar suas portas em diversas ocasiões.
“Até este momento, não tive a oportunidade de contribuir diretamente com a causa trans, que precisa de enorme atenção e de projetos consistentes de grandes marcas com o objetivo real de fazer a diferença. Poder conduzir este trabalho em conjunto com o Eataly, auxiliando na organização dos jantares beneficentes e acionando chefs renomados da nossa gastronomia, tem sido uma experiência muito gratificante. Trazer para este primeiro jantar a chef Pietra Freitas e dar visibilidade ao seu lindo trabalho é um primeiro passo na trajetória que planejamos percorrer durante este ano. A Casa Chama é uma organização com pessoas maravilhosas e que batalham por direitos básicos a uma parcela da sociedade vítima da ignorância e violência”, diz a chef Bel Coelho.
Outros dois jantares beneficentes em prol da Casa Chama acontecerão nos próximos meses, com datas previstas para junho, como parte da campanha de Dia dos Namorados do Eataly, e setembro, na abertura do festival São Paulo Gastronômica promovido pelo complexo. Nas ocasiões, o Eataly receberá outros grandes nomes da gastronomia nacional que se disponibilizaram em apoio à causa.

“Os processos de trabalho, parceria e apoio do Eataly em relação à Casa Chama têm sido uma das coisas mais importantes do nosso ano. Temos desenvolvido um diálogo, de entendimento e escuta, na criação de uma parceria efetiva, ética e potente. É um projeto que serve de referência para outras empresas, considerando a dificuldade que encontramos no relacionamento com grandes marcas, que nos vêem com desprezo e não enxergam nossas capacidades. Estou muito feliz, está sendo um processo de colaboração tão bonito que tenho certeza que trará resultados maravilhosos”, afirmou Digg Franco, fundador e presidente da Casa Chama.

“Essa parceria com o Eataly vem para a Casa Chama e para a comunidade trans como um todo, como um respiro de esperança em um mundo transfóbico. Não se trata de um acesso pontual aos nossos corpos e vivências com intuito de usufruir de nossos conhecimentos e a partir daí romper o relacionamento. O que o Eataly faz, trazendo uma parceria que perdurará por todo o ano, é um exemplo de que é possível causar um impacto significativo se houver um pouco de boa vontade e de interesse em contribuir na construção de uma sociedade mais justa”, complementou Matuzza Sankofa, fundadora da Casa Chama.
A parceria entre Eataly e Casa Chama se estenderá por todo o ano de 2022 e, além da arrecadação de fundos através de jantares beneficentes, também inclui a organização de workshops de gastronomia e empreendedorismo para participantes e beneficiários da ONG, ministrados por colaboradores do complexo. O Eataly ainda abrirá vagas de emprego exclusivas para participantes destes workshops. O centro gastronômico também organizará momentos de sensibilização de seu staff através de encontros com representantes da Casa Chama e o setor de Recursos Humanos terá como foco neste ano fortalecer a diversidade no seu quadro de colaboradores, expandindo oportunidades para a comunidade trans.
“Comida é afeto. Essa é a premissa da criação da plataforma de responsabilidade social do Eataly São Paulo. O centro gastronômico cria laços mais profundos com o país ao se engajar em questões primordiais da sociedade brasileira. O Eataly apoia cozinhas comunitárias comandadas por mulheres empreendedoras em Paraisópolis, São Paulo, por meio do negócio social Mãos de Maria e da Associação de Mulheres de Paraisópolis. Apoia as mulheres cozinheiras da Amazônia, acolhidas e estimuladas pela ONG Casa do Rio, no interior do Amazonas. Neste momento, o complexo aprofunda seu olhar para a diversidade. No Dia dos Namorados de 2021, celebrou o amor em todas as suas formas, numa campanha com casais de diferentes gêneros. A campanha ecoou com tanta força, que despertou na diretora do Eataly a vontade de abraçar com ainda mais profundidade a diversidade. Assim será ao fortalecermos a ONG Casa Chama, que realiza um trabalho fundamental para a dignidade da população trans”, diz Jeff Ares, fundador da consultoria Pedra, responsável pela concepção da parceria, que está à frente dos projetos de responsabilidade social do Eataly São Paulo desde 2020.
Para acompanhar todas as novidades do Eataly, basta acessar o site e seguir as atualizações no Instagram @eatalybr.
Eataly

Site

Endereço: Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1489 – São Paulo

Horário de funcionamento: Segunda a Domingo das 10h às 22h

Telefone: (11) 3279-3300

Instagram: @eatalybr

Delivery através do Ifood

Você também pode gostar

Festa di Anniversário 7 anos do Eataly no Brasil

Há 7 anos, o Eataly desembarcou em São