Em países tropicais, como o nosso, a salada é muito comum tanto como acompanhamento nas refeições como sendo a própria refeição. No almoço ou no jantar sempre cai bem e, segundo o sommelier Carlos Maynard, os vinhos combinam perfeitamente com esse prato, é só saber qual escolher!

Confira as dicas de harmonização de Maynard para ter um diálogo perfeito entre vinhos e saladas:

Sauvignon Blanc + Salada Caprese

Essa salada leva muçarela de búfala, manjericão, sal, azeite de oliva e tomate. Os rótulos dessa uva são super leves e refrescantes, tendo uma acidez na medida certa, ou seja, perfeito para harmonizar com a salada caprese.

Verdejo + Salada Grega

Essa é uma uva que vem diretamente da Espanha, produzindo vinhos frutados e frescos que harmonizam perfeitamente com os ingredientes dessa salada: tomate, cebola roxa, queijo feta, azeitonas e pepino.

Vinho Rosé + Salada Niçoise

Essa é uma salada francesa que tem algumas variações na receita, mas que leva alface, vagem, tomate, atum, pimentão, ovos cozidos, bata, azeitona e salsinha. E vinhos rosé refrescantes são uma ótima pedida para harmonizar com esses ingredientes, como por exemplo o Bodega Sossego.

Chardonnay + Salada de Nozes

Levando ingredientes como nozes picadas, folhas verdes, sal, azeite e tiras finas de maçã, ela combina, e muito, com um vinho chardonnay, como o Legno, por ser amadeirado.

Sauvinon Blanc + Caesar

A mais clássica das saladas tem algumas variações. A verdade é que ela sempre se reinventa, mas falando sobre a receita que leva tiras de peito de frango grelhado, maionese caseira, alho, croutons, lascas de parmesão e a alface romana, o Sauvignon Blanc é a harmonização perfeita.

Você também pode gostar

Para curtir o Dia do Livro: 5 obras sobre o universo do chá

No dia 23 de Abril é comemorado o